sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Bolachas de noz e canela

Escolhi fazer estas bolachas porque tinha na despensa um pacote de noz pecan perdido no meio de uma floresta de frascos. A receita é do livro “Paixão por chocolate” e se em termos de sabor e de textura a receita me agradou bastante, já em termos da preparação indicada no livro não posso dizer o mesmo. Acontece que na receita original diz que a massa deve ser esticada com o rolo e cortada com cortadores, ora assim que juntei a farinha e mesmo antes de levar a massa ao frio, verifiquei que a consistência mole da massa não permitiria essa operação, sem stress coloquei colheradas de massa no tabuleiro resistindo à tentação de juntar mais farinha, pois isso comprometeria o sabor das bolachas. Resultado: as bolachas são uma delícia mas o autor do livro merecia um puxão de orelhas.



Versão de impressão e arquivo desta receita aqui.


Usei:

1 ovo
200g de manteiga amolecida (não fundida)
250g de farinha
200g de miolo de noz moído
200g de açúcar em pó
1 c sopa de canela em pó
metades de noz para decorar

Fiz assim:

Coloque a manteiga e o açúcar numa tigela e com uma colher de pau misture bem.
Adicione o ovo e o miolo de noz e volte a mexer até ficar homogéneo.
Incorpore por fim a farinha peneirada com a canela, tenha em atenção que não deve trabalhar a massa em demasia.
Coloque a tigela no frigorífico e deixe repousar durante pelo menos 30 minutos.
Pré aqueça o forno a 180º, e prepare dois tabuleiros forrando-os com papel vegetal.
Com duas colheres de chá, molde bolinhas de massa do tamanho de uma noz, coloque no tabuleiro e por cima disponha metade de uma noz.
Leve ao forno durante 15 ou 20 minutos, até que as bordas fiquem douradas.

Notas:

Na receita original, as bolachas são cobertas com chocolate branco, tendo optado por não colocar a cobertura, fiquei a pensar que umas pepitas de chocolate branco enriqueceriam estes bolinhos.
Fonte: “Paixão por chocolate”

Veja também: bolachas com pepitas de chocolate.

23 comentários:

  1. Marizé, comprei recentemente esse livro e fiquei deliciada com as receitas e fotos. Infelizmente já coloquei duas receitas em prática e ambas não correram bem como dizia no livro mas o sabor ficou bom na mesma, tal como aconteceu com as tuas bolachas. Acho que o autor merecia uns bons puxões de orelhas.
    Falando das bolachas em si, ainda bem que deste a volta à situação pois elas ficaram bastante apetitosas.

    beijinhosq

    ResponderEliminar
  2. Que bolachinhas lindas! São ideais para acompanhar um cházinho e como eu gosto disso!!! Beijinhos e bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  3. Amiga,

    Join the club... estou-me a lembrar daquelas bolachas que queimaram por causa dos erros da receita original. Felizmente, a tua experiência safou a coisa a tempo... já eu não tive a mesma sabedoria e confiei cegamente na autora da receita.

    As bolachas estão com aspecto maravilhoso e nem quero imaginar o aroma...hum.

    bjs

    ResponderEliminar
  4. Às vezes, em certos livros, pergunto-me se alguém testou mesmo as receitas. Apanhamos com cada surpresa, de vez em quando!

    O que importa é teres-te saído bem. Essas bolachinhas fazem mesmo o meu estilo. Gostei muito. :-)

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  5. Não há nada com uma cozinha real com pessoas reais a testarem realmente as receitas...obrigada Marizé...adorei as bolachas ficaram muito superiores às que deram o mote...beijinho

    ResponderEliminar
  6. Seu bom "faro" de cozinheira salvou-a de um fiasco. O resultado parece muito bom.

    Beijos e um feliz fim de semana!

    ResponderEliminar
  7. Alessander Guerra12/09/2008, 18:24:00

    E está mais do que certa, porque abrir com rolo uma massa amanteigada é algo prá lá de complicado. Também uso a palma da mão. Noz pecã, ai que delícia!

    bjs
    Alessander
    www.cuecasnacozinha.com

    ResponderEliminar
  8. Realmente, algumas receitas têm que ser reescritas completamente pois não fucionam do jeito indicado.

    Ah, vc já tentou congelar as nozes. Aqui sempre permanecem mais fresquinhas no congelador.

    ResponderEliminar
  9. Ficou um luxo... adorei.
    Bjos, Lú.

    ResponderEliminar
  10. Tem umas receitas em livros que realmente não funcionam!
    que bonitos ficaram deste formato fofinhos
    devem estar deliciosos
    bjs

    ResponderEliminar
  11. Marizé você não vai acreditar!!!
    Ontem estava conversando com uma amiga que conheço aqui há pouco tempo e começamos a falar de receitas, comentei do meu blog que ela não sabia que eu o tinha, quando de repente ela falou de você!! Ela adore o seu blog e me disse que fez o sei capeletti e ficou maravilhoso! Ela pega várias dicas contigo. Coincidência não? Tá vendo está famosa por aqui!!! Hahahaha
    Assim como ela eu também adoro seu blog e fiquei de passar para ela outras amigas nossa.
    E essas bolachas que delícia!!! Vou falar com ela (Andréa) para entrar já!
    Bjks

    ResponderEliminar
  12. Essas bolachinhas tem um ar delicioso, só é pena terem tanta manteiga:-( como quase todas as bolachinhas caseiras.
    Bjs:-)

    ResponderEliminar
  13. Lindos os "cookies" que você fez. E devem ter ficado deliciosos, com sabor do encanto que Portugal exerce sobre mim.
    Você viu que a minha menina, Renata, está ficando "famosa" com o primeiro lugar no desafio?
    Parabéns para vocês que são tão pacientes na cozinha. E viva os maridos que se deliciam.
    Beijos,
    Lana (mãe da Renata)

    ResponderEliminar
  14. Gostei muito destes biscoitinhos, especialmente porque se pode moldá-los às colheradas, o que dá menos trabalho. Eu não me acerto muito com o rolo.
    Tenho aqui uns chips de chocolate branco e esta é uma ótima sugestão!
    Bjs e bom domingo! :)

    ResponderEliminar
  15. Que bolacha deliciosa!Gostei mesmo da latinha, uma fofura, puro charme!

    ResponderEliminar
  16. Marizé eu já senti uma atrção por fazer essa receita e colocar a cobertura de chocolate branco, não gosto de chocolate preto, mas em contrapartida amoooo o branco.
    Beijos

    ResponderEliminar
  17. Devem ser muito perfumadas!
    Lindas também...
    Kisss^^

    ResponderEliminar
  18. Adorei esta receita, vou experimentar logo, logo! E ficaram lindos, parabéns!

    Beijos!

    ResponderEliminar
  19. Ainda bem que vc já tem o traquejo para julgar o que fazer... o difícil é quando a receita é bem nova/diferente, e não temos termos de comparação... aí fica difícil dá vontade de 'caçar' o autor/tradutor/editora...
    Devem ter ficado bem saborosas, a quantidade de canela pintou bem as bolachas...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  20. Tenho o livro há pouco tempo e ainda não consegui decidir-me sobre qual a 1.ª receita a experimentar! (risos) Mas estas bolachas são uma boa sugestão!
    **

    ResponderEliminar
  21. Adoraria ter umas para acompanhar meu cafezinho. Prefiro assim, sem a cobertura de chocolate.
    Bjs!

    ResponderEliminar
  22. Que engraçado mais uma blogger que têm o livro "Paixão pelo Chocolate" ;)

    Eu lançei a mim mesma de fazer todas as receitas deste livro... durante uma ano ;D!! Vamos ver como é que corre...

    Acontece que ontem a receita que eu tinha para fazer era mesmo estas bolachinhas... e aconteceu-me as mesmas coisas... a massa não serve para estender.. eu tb fiz umas bolinhas ;D

    E na parte de temperar o chocolate... tb não consegui... o chocolate não derreteu.. então as minhas bolachas ficaram simples, mas tb muito saborosas.
    Se quiser pode seguir o meu blog aqui: http://planisferiopessoal.blogspot.com/

    Beijinhos e Boas Receitas

    ResponderEliminar
  23. Encontrei esta receita hoje porque estava à procura de receitas para gastar nozes. Como sou muito trapalhona "atalhei caminho" com a batedeira, para misturar o açúcar e a manteiga e depois o ovo. E saltei (esqueci-me) de por a massa no frigorífico, ma foram moldadas à mão pelos meus filhos acho que não fez mal. Saíram agora do forno e estão óptimas. Obrigada

    ResponderEliminar

Regras:
- Os comentários de spam e publicidade serão imediatamente apagados.
- Os comentários anónimos são permitidos mas moderados.
- Os comentários não reflectem a opinião dos administradores do blog.
- As questões colocadas serão exclarecidas via e-mail se o mesmo for disponibilizado pelo comentador.
- A sua opinião é importante para nós.